Seja bem-vindo ao site do .

Amil

Assistência Médica

Amil lança movimento de conscientização e combate à obesidade infantil

Amil lança movimento de conscientização e combate à obesidade infantil

30 de janeiro de 2014

Saúde 360 promove ações e informações para o empoderamento da sociedade. O propósito é reverter epidemia de obesidade infantil no país.

Pioneira em programas de promoção de saúde e qualidade de vida, a Amil lança, no próximo dia 26, o movimento Saúde 360. Dedicada à conscientização e combate à obesidade infantil, a iniciativa reúne ações de qualificação de profissionais de saúde, relacionamento com instituições de ensino e sociedades médicas, eventos para pais, gestantes e crianças, pesquisas e um site com conteúdo atualizado sobre o tema - www.portalsaude360.com.br. Especialistas apontam que a obesidade infantil é uma das doenças típicas do mundo contemporâneo e, por isto, é uma questão que precisa ser tratada pelo poder público, pela iniciativa privada e pela sociedade.

O assunto é de extrema relevância para a população brasileira, visto que dados do Ministério da Saúde indicam que uma em cada três crianças está acima do peso. Estimativas da Organização Mundial de Saúde (OMS) confirmam a urgência de se combater a enfermidade, que, mundialmente, mata 2,8 milhões de pessoas. Vale ressaltar que o excesso de gordura intra-abdominal é considerado um fator de risco maior do que o excesso de peso total, podendo causar diabetes, pressão alta, colesterol elevado, doenças cardiovasculares e síndromes metabólicas. A obesidade também aumenta o risco de incidência de alguns tipos de câncer, como o de mama, intestino, estômago e próstata. “Crianças com sobrepeso e obesidade tendem a permanecer obesas na idade adulta e são mais propensas a desenvolver diabetes e doenças cardiovasculares. Na prática, isso significa piora na qualidade de vida e sérios riscos à saúde”, enfatiza a diretora de Sustentabilidade da Amil, Odete Freitas.O Saúde 360 tem a intenção de conscientizar pais e mães, por meio de informações e ações práticas, para que eles saibam lidar com a situação e possam, efetivamente, contribuir com a diminuição dos números relacionados à doença. O movimento prevê também uma atuação muito próxima aos profissionais de saúde, com a realização de eventos, discussões técnicas, distribuição de materiais de comunicação e reforço dos protocolos do Ministério da Saúde.“Trata-se de um projeto de empoderamento da sociedade, que será a principal beneficiada. O suporte da Amil se dará com muita informação e também com um intenso acompanhamento técnico e científico”, destaca Odete.“Trata-se de um projeto de empoderamento da sociedade, que será a principal beneficiada. O suporte da Amil se dará com muita informação e também com um intenso acompanhamento técnico e científico”, destaca Odete.

“Conversamos com muitos médicos que nos falaram que a falta de informação é uma das principais razões da incidência da obesidade em crianças. Muitos pais acham que estar “gordinho” é sinônimo de criança saudável, mas isso é falso. Quanto mais cedo você adota hábitos não saudáveis, mais difícil torna-se mudá-los depois. E, nisso, o movimento vai desempenhar um importante papel, compartilhando informação de forma simples e de fácil entendimento”, explica Odete.Nas próximas etapas, o movimento disponibilizará programas para profissionais de saúde, escolas e pais, reforçando a importância da prevenção desde os primeiros anos de vida e apontando os riscos que a falta de cuidado com o peso podem trazer para uma criança. No site, que tem acesso livre para toda a população, será possível obter informações sobre alimentação e atividades físicas, conteúdos produzidos a partir de entrevistas com renomados especialistas, pesquisas sobre o tema e calendário com realização de eventos, entre outros.Também está sendo disponibilizado no site um conteúdo específico para as crianças, por meio de uma parceria com a Nutri Ventures, que produz o desenho animado “Nutri Ventures – Em Busca dos Sete Reinos”. A animação tem um enfoque educativo sobre alimentação e amizade.O site é dividido em quatro canais: Pais e Mães, Crianças, Profissionais da Saúde e Creches e Escolas, com informações e conteúdos segmentados para cada um destes públicos.

Movimento Saúde 360 nas mídias

A partir de 26 de janeiro o programa ganhará as ruas por meio de campanhas publicitárias. “A intenção é tornar público o grande movimento que a empresa está iniciando. É preciso um olhar 360 que integre os aspectos fundamentais de todo o desenvolvimento da criança, desde a gestação até o fim da infância”, afirma Rodrigo Rocha, diretor de Marketing Brasil.A primeira etapa da campanha prevê a veiculação de um manifesto em alguns dos principais jornais do país, no dia 26 de janeiro, e um comercial nas emissoras Globo, SBT e Band. O filme, que será veiculado também em diversos canais de TV por assinatura, estreará no dia 27 de janeiro. “Para fortalecer essa iniciativa e alcançar o maior número de pessoas, nossa estratégia prevê uma forte comunicação, tanto nos meios tradicionais como nas mídias digitais. Na próxima etapa, intensificaremos parcerias com entidades médicas, organizações do terceiro setor, escolas e também com outras empresas para, de fato, fazermos diferença na saúde das crianças brasileiras”, esclarece Rodrigo.