Medicina de família é foco de novo plano de saúde: Amil Life

Dados apontam que mais de 80% dos casos atendidos por médicos de família são resolvidos na primeira consulta

(Campinas/SP – novembro de 2015) - Acaba de chegar a Campinas o Amil Life, plano de saúde em que o beneficiário conta com uma equipe para chamar de sua, composta por médico, enfermeiro e agentes de saúde - que poderão ser acionados pelo celular no caso de qualquer intercorrência médica. Além de todo o suporte da rede credenciada local e dos hospitais Madre Theodora, de Sumaré e de Campinas, os clientes também poderão acompanhar seus históricos de atendimento e dicas para uma melhor qualidade de vida em um site exclusivo. A iniciativa tem o objetivo de torná-los protagonistas do cuidado com a própria saúde.

O foco do novo plano é o vínculo entre equipe e paciente. A plataforma digital ajuda a customizar os cuidados com a saúde. Nela, o cliente preenche informações sobre seus hábitos de vida, consumo e características pessoais. Esses dados serão encaminhados aos agentes e servirão de base para definição dos temas a serem tratados em consulta. Além disso, os pacientes passarão a receber dicas personalizadas, de acordo com os riscos identificados.

“Mais do que uma consulta, a proposta do Amil Life é resgatar o vínculo médico-paciente, para que o contato com o médico de família seja um momento em que se discutem a saúde e a prevenção. Queremos cuidar das pessoas de forma mais próxima, ajudando, de fato, a viverem de forma mais saudável”, ressalta Hans Dohmann, diretor de Gestão de Saúde da Amil. O executivo destaca que a oferta do plano em Campinas será o ponto de partida para a implementação do projeto no Rio de Janeiro e em São Paulo, em 2016.

Especialistas apontam que modelos baseados em atenção primária, como o lançado pela Amil, apresentam melhores resultados clínicos. Na prática, significa dizer que o modelo mais efetivo é também o mais antigo: o de médico de família, aquele que conhece o paciente pelo nome e o acompanha da infância à idade adulta.

Pelo plano Amil Life, os beneficiários terão acesso a esses profissionais sem necessidade de agendamento. Os médicos de família ficarão alocados em unidades exclusivas dedicadas à atenção primária, desenhadas como Clubes de Saúde. Nelas, serão realizados atividades e debates sobre prevenção de doenças e mudanças comportamentais que melhorem a qualidade de vida.

Gustavo Gusso, diretor médico de Gestão de Saúde da Amil, ressalta a importância da especialidade para o correto tratamento clínico. “Um médico de família pode dar o direcionamento adequado às necessidades do paciente por sua experiência clínica. Uma dor no peito, por exemplo, pode ser algum problema cardíaco, pulmonar ou muscular. Cerca de 80% dos casos atendidos em consultório por médicos de família são resolvidos em uma única consulta, segundo dados do Ministério da Saúde”, explica.