Projeto de Segurança do Paciente da Amil recebe prêmio em São Paulo

Em cerimônia realizada ontem (29/8), durante o 3º Fórum Latino-Americano de Qualidade e Segurança na Saúde, em São Paulo, a Amil teve seu projeto denominado Decisão Compartilhada e Segurança do Paciente reconhecido como destaque em práticas assistenciais pelo Laboratório de Inovação e Reconhecimento a Boas Práticas sobre Segurança do Paciente na Saúde Suplementar. A iniciativa envolve a Organização Pan-Americana de Saúde (OPAS), o Ministério da Saúde e a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS).

Na ocasião, Maria Elisa Cabanelas Pazos, pesquisadora do Núcleo de Prática Clínica Baseada em Evidência, da Amil, recebeu o certificado na categoria Comunicação. “Esse prêmio comprova a efetividade do nosso trabalho, baseado no modelo de cuidado coordenado, para a saúde suplementar”, afirma.

No projeto da operadora, os profissionais de 150 unidades assistenciais foram incentivados a seguir uma série de protocolos e a utilizar a comunicação para engajar o beneficiário no próprio tratamento, assegurando o melhor desfecho clínico. As iniciativas vencedoras farão parte de uma publicação feita em parceria pela OPAS e pela ANS, com o tema Segurança do Paciente.